“E o que eu pregava, eu estava vivendo.”: identidade social e identidade discursiva na narrativa de vida de um católico gay

Autores

  • Murilo Silva Araújo
  • Mônica Santos de Souza Melo

DOI:

https://doi.org/10.35921/jangada.v0i1.12

Palavras-chave:

Catolicismo, Homossexualidade, Identidade Social, Identidade Discursiva

Resumo

A existência de homossexuais que vivem a fé católica é uma realidade. Não obstante, religiões cristãs tradicionais comumente lidam com a homossexualidade de maneira conflituosa, de modo que homossexualidade e catolicismo são duas experiências que costumam ser vistas como incompatíveis. Neste trabalho, investigamos como se dão alguns processos de construção de identidade social e discursiva na narrativa de vida de um membro do Diversidade Católica, grupo de homossexuais católicos que existe desde 2006 na cidade do Rio de Janeiro. A partir da proposta da Análise do Discurso Semiolinguística (CHARAUDEAU, 2006; 2008; 2009), identificamos quais estratégias discursivas são acionadas pelo participante da pesquisa para articular estas duas identidades.
PALAVRAS-CHAVE: Catolicismo; Homossexualidade; Análise do Discurso Semiolinguística; Identidade Social; Identidade Discursiva

___________________

The existence of homosexuals who follow the Catholic faith is a reality. Nevertheless, traditional Christian religions commonly deal with homosexuality in a very confrontational way, so that homosexuality and Catholicism are two experiences that are often seen as incompatible. In this paper, we analyse some processes of construction of social and discursive identities in a life narrative of a member of Diversidade Católica, a group of gay Catholics that exists since 2006 in the city of Rio de Janeiro, Brazil. Using the theoretical and methodological apparatus from Semiolinguistic Discourse Analysis (Charaudeau, 2006, 2008, 2009), we identify the discursive strategies which the research participant employs to articulate these two identities.

KEYWORDS: Catholicism; Homosexuality; Semiolinguistic Discourse Analysis; Social Identity; Discursive Identity.

Referências

ARAÚJO, Murilo Silva de; CALEIRO, Maurício de Medeiros. A fé e os afetos: Diversidade Sexual, Catolicismo e Protestantismo em sites de grupos cristão inclusivos In: XVI Congresso de Ciências da Comunicação da Região Sudeste, 2011, São Paulo. Anais do XVI
Congresso de Comunicação da Região Sudeste. São Paulo: Intercom, 2011.
CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA. 9. ed. Petrópolis: Vozes,1998.
CHARAUDEAU, Patrick. Discurso Político. São Paulo: Contexto, 2006
_________. Linguagem e Discurso: modos de organização. São Paulo: Contexto, 2008.
_________. Identidade social e identidade discursiva, o fundamento da competência comunicacional. In: PIETROLUONGO, Márcia. (Org.) O trabalho da tradução. Rio de Janeiro: Contra Capa, 2009.
GAGO. Paulo Cortes. Questões de Transcrição. Revista Veredas, v.6, n. 2, p.18-113, dez/2002.
GOMES, Ademildo; TRASFERETTI, José. Homossexualidade: orientações formativas e pastorais. São Paulo: Paulus, 2011.
LODER, Letícia Ludwig. O Modelo Jefferson de Transcrição: Convenções e Debates. In: LODER, Letícia Ludwig; JUNG, Neiva Maria (orgs.). Fala em Interação Social: introdução à Análise da Conversa Etnometodológica. Campinas: Mercado de Letras, 2008.
MUSSKOPF, André Sidnei. A Teologia que sai do armário - um depoimento teológico.
Impulso, Piracicaba, 14(34): 129-146, 2003
_________. À meia luz: a emergência de uma teologia gay: Seus dilemas e possibilidades.
Cadernos IHU Ideias. São Leopoldo, ano 3, n. 32, p 01-34, 2005.
NATIVIDADE, Marcelo; OLIVEIRA, Leandro de. Sexualidades ameaçadoras: religião e homofobia(s) em discursos evangélicos conservadores. Sexualidad, Salud y Sociedad - Revista Latinoamericana. n. 2, pp.121-161, 2009.

Downloads

Publicado

2018-03-30

Como Citar

Araújo, M. S., & de Souza Melo, M. S. (2018). “E o que eu pregava, eu estava vivendo.”: identidade social e identidade discursiva na narrativa de vida de um católico gay. Jangada: Crítica | Literatura | Artes, (1), 27–41. https://doi.org/10.35921/jangada.v0i1.12

Edição

Seção

Varia