A língua que é capaz de incluir ou excluir um indivíduo analisada em textos publicitários da Adidas

Autores

  • Gisele Soares Vieira

DOI:

https://doi.org/10.35921/jangada.v0i8.122

Palavras-chave:

Textos publicitários, Recursos linguísticos, Adidas

Resumo

Resumo: Este artigo apresenta uma análise de textos publicitários da empresa Adidas e tem como objetivo identificar recursos linguísticos utilizados para fazer com que indivíduos excluídos pela sociedade sintam-se fazendo parte de um contexto esportivo. Por meio desta associação, o leitor é levado a acreditar que necessita comprar os produtos oferecidos no comercial para tornar-se uma pessoa de sucesso. Para esta análise, é realizado um estudo de dois textos publicitários divulgados na internet pela Adidas. Esse estudo é embasado em conceitos da teoria dos subentendidos contidos no texto. É realizada também
uma reflexão sobre a diversidade linguística e social utilizada nos textos publicitários. Para isso serão utilizados alguns conceitos de Bourdieu. Por meio desta análise averígua-se como a língua é utilizada como instrumento de poder.

Palavras-chave: Textos Publicitários. Recursos Linguísticos. Adidas.

_______________________
Abstract: This article presents an analysis of advertising texts of the Adidas Company and aims to identify language resources used to make individuals excluded by society to feel part of a sporting context. Through this association, the reader is led to believe that you need to buy the products offered in the business to become a successful person. For this analysis, we conducted a study of two advertising texts published on the Internet by Adidas. This study is grounded in concepts of the theory of implied contained in the text. It also carried out a reflection on the linguistic and social diversity used in advertising copy. For that will be used some concepts of Bourdieu. Through this analysis consider whetheras the language is used as an instrument of power.

Keywords: Text Advertising. Language Resources. Adidas

Referências

BOURDIEU, P. A economia das trocas linguísticas: o que falar quer dizer. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1998.
BAKHTIN, Mikhail M. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 1992.
BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verbal. 6. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2015.
BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. 2. ed. São Paulo: Hucitec, 1981.
YOUTUBE. Coleção samba. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=mtiw9XLGcbc&index=2&list=PLw92oLQNny9u4y95YZp3QLE1RGEr-9D8n>. Acesso em: 08 jul. 2016.
YOUTUBE. Mete a mala. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=TGcRNfCS2Q4&list=PLw92oLQNny9u4y95YZp3QLE1RGEr-9D8n>. Acesso em: 02 jul. 2016.

Downloads

Publicado

2018-05-01

Como Citar

Vieira, G. S. (2018). A língua que é capaz de incluir ou excluir um indivíduo analisada em textos publicitários da Adidas. Jangada: Crítica | Literatura | Artes, (8), 92–111. https://doi.org/10.35921/jangada.v0i8.122