Aldravipeia

Autores

  • José Benedito Donadon Leal

DOI:

https://doi.org/10.35921/jangada.v0i2.23

Palavras-chave:

Literatura Brasileira, Poesia contemporânea, Aldravia

Resumo

Na apresentação das aldravias, em dezembro 2010, os poetas aldravistas anunciaram que as aldravias não seriam fôrmas, inscritas apenas numa proposição sintética de seis versos univocabulares, mas formas abertas às mais diversas experiências poéticas que tenham como prioritária a palavra. Ficava claro que não anunciávamos unicamente um novo tipo de “poema”, mas propúnhamos uma nova “poesia” que expressasse a atualidade de qualquer tempo (aquela da pragmática sensação do presente eterno), em que a atitude própria da construção das metonímias faz emergir a força da palavra do meio do caldo visual que, nesta atualidade, inunda os meios de comunicação e, reiteradamente, cobra a veiculação das ideias através do que esta segunda década do XXI acostumou a chamar de novas narrativas.

Palavras-chave: Literatura brasileira, poesia contemporânea, aldravia.

-------------------------------------------------

In "Presenting aldravias", in December 2010, aldravistas poets announced that aldravias would not formwork, listed only a synthetic proposition six univocabulares verses, but forms open to various poetic experiences that have the word as a priority. It was clear that we were not announcing a new type of "poem", but we proposing a new "poetry" to express the relevance of any time (that of the pragmatic sense of the eternal present), in which the very attitude of the construction of metonymy brings out the strength of the middle word of the visual broth that at this present time, flooding the media, and repeatedly charges the placement of ideas through this second decade of the XXI century accustomed to call new narratives.

Keywords: Brazilian literature, contemporary poetry, aldravia.

Referências

O autor não ofereceu referências.

Downloads

Publicado

2018-04-02

Como Citar

Donadon Leal, J. B. (2018). Aldravipeia. Jangada: Crítica | Literatura | Artes, (2), 75–81. https://doi.org/10.35921/jangada.v0i2.23

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.